Eles querem uma casa e agora?

Já dizia o ditado: "Quem casa quer casa" e nossos clientes optaram por (que ruuuuuuuuuuuuuuuuufem os tambores) ir em busca da casa ideal e deixaram em banho maria a ideia de adquirir um terreno e construir a casa ideal.


Não preciso nem dizer como o gingado da ponta do lápis do post anterior foi importante nesta decisão, mas se você não sabe do que eu estou falando, corre lá e se atualiza. Ter consciência da demanda de uma obra, bem como o panorama da vida financeira dos clientes, é extremamente importante para fazer uma escolha baseada no tempo para ter o imóvel em mãos.

Deixando aqui uma filosofia bastante pessoal, o tempo é o que realmente importa na construção, quanto menor ele for, mais cedo a edificação começará a cumprir o seu papel. Porém, o grande x da questão é que o limitante mais poderoso, desta equação chamada construção civil, é o financeiro. Desse modo, encontrar um bom equilíbrio entre disponibilidade financeira e tempo de habitabilidade, é uma tarefa importante para não tornar o processo um pesadelo, principalmente quando vem regado de valor emocional, como o lar de um jovem casal.

Mas filosofias a parte, temos ainda muito trabalho a fazer e só descansaremos quando nossos clientes estiverem vivendo um comercial de margarina em seu lindo e aconchegante lar. De sorte que, vamos logo nos preparando para dar o próximo passo nesta jornada, que no caso é: revirar imobiliárias e selecionar anúncios de interesse. Mas calma

Alguns avisos cabem aqui, aos nossos clientes e a você que está pegando dicas aqui neste blog: 1) muitos dos anúncios selecionados vão estar desatualizados, os imóveis terão sido vendidos ou o preço terá mudado, e isso vai te chatear, mas não desanime. 2) por experiências em buscas, sinto que os sites das próprias imobiliárias são mais atualizados que os sites de anúncios de imóveis da internet.

3) tente guardar de alguma forma os imóveis de interesse com o número do corretor, o link de onde o encontrou, uma foto para se lembrar facilmente de que imóvel se trata, o valor e, se tiver, o endereço. 4) defina o valor que você pode pagar, se for financiamento cheque o crédito que você tem com o gerente e evite ficar mudando muito a faixa de valores buscados. Na maioria das vezes vai parecer que só tem imóveis que você não pode pagar, mas calma, procure bem, alguma coisa vai aparecer. Foco, força e fé nas buscas. Uma dica é filtrar somente o valor que você pode pagar nos sites e não ficar passando muita vontade vendo coisas acima do orçamento. 5) Nem sempre o valor anunciado é o valor final de venda, as vezes cabe negociação! 6) Visite absolutamente tudo e sempre que possível, preste atenção em alguns requisitos básicos:

  • tipo de telhas, condições do madeiramento do telhado e forro ou condições da laje

  • fiação elétrica e quadro de disjuntores

  • quantidade de tomadas e locais para passagem do cabeamento de televisão e/ou internet

  • se tem lixeira externa

  • tipo de piso e se está em bom estado

  • se as janelas e portas estão funcionando

  • se as torneiras e chuveiros são de qualidade

  • se tem box nos banheiros

  • se os banheiros são totalmente azulejados ou se tem partes que são apenas pintura

  • se a lavanderia é coberta

  • se tem lavabo ou compartilha banheiro com os quartos

  • se tem garagem coberta

  • como é a insolação do local

  • imaginar um pouco de onde ficariam os móveis para ver se atende as suas necessidades

  • as condições da pintura

  • acesso do gás

  • se o imóvel é seguro ou se já sofreu arrombamentos ou outros tipos de violações

  • fluxo da água das chuvas

  • se tem esgoto ou se é fossa séptica

  • se tem água ou se é poço artesiano

  • se tem potencial de ter muito barulho por perto (se for geminada, checar se a parede compartilhada é bem isolada acusticamente) E claro, é necessário incluir na lista acima o que mais vier a mente, por exemplo, no caso específico do nosso casal 20, é preciso ter quintal e grama para um cachorrinho, então isso deve ser verificado também.

7) Se você estiver no barco que nossos ilustres futuros moradores, e não estiver com pressa, tentar comprar um imóvel em construção pode ser uma brilhante oportunidade de "pagar" em tempo e economizar em dinheiro. Só esteja muito atento à qualificações do construtor, para não acabar investindo em algo que atrasará a entrega ou não chegará a ser entregue. E se você chegou aqui, está mais preparado para embarcar conosco nas buscas por um imóvel, muita boa sorte!! No próximo post veja atualizações sobre as buscas. xoxo


Olá, que bom ver você por aqui!

Sou Isabelle de Campos e esse é o meu espaço para mostrar como eu vejo e vivencio a engenharia civil.

Fique por dentro de todos os posts

Obrigado por assinar!

  • Instagram